terça-feira, 5 de agosto de 2014

Querido vizinho

Qdo. eu tinha 14 anos, me apaixonei por um vizinho.
Ele era um "príncipe": bonito, saudável, de boa familia, educado, inteligente, espirituoso e divertido.
Era aquele tipo de namoro onde só se pegava na mão, tudo muito casto e com aprovação dos pais.
Esse foi um de seus primeiros trabalhos
Marcelo tinha 19 anos qdo.o conheci e estava inciando a carreira de modelo. Eu era uma colegial, vivia aquela vidinha pacata, até o dia em que ele me comunicou que ia embora da cidade. Tinha sonhos, queria desbravar o mundo-e foi! Num tempo em que não havia e-mail nem celular, perdemos o contato. O tempo passou, eu casei e a vida seguiu seu curso até que, num belo dia, tipo 20 anos depois, nos reencontramos num evento de moda em Santa Catarina, onde ele era o diretor artistico e estava casado...com outro homem!
Ele encontrou sua alma gêmea
Passada a surpresa inicial, voltamos a ser os velhos amigos de sempre, sem precisar de explicações, conheci seu companheiro, ele conheceu meu marido, e esses encontros se repetiriam nos eventos seguintes, ele como diretor, eu como produtora. Ríamos sempre relembrando seu tempo como "hetero", tínhamos muitos assuntos, como se nunca tivéssemos nos separado, assim são as verdadeiras amizades..
Em março de 2009 produzi mais um desfile, sob sua direção, e lembro que, no final, ele foi até o camarim: "Qdo. eu for a Porto Alegre, vamos tomar um café"-me disse, com um forte abraço. Sem saber, já estava se despedindo de mim.
E esta foi a última vez em que o vi.
Despediu-se cedo, aos 47 anos, deixando muita saudade
Esta semana faz 5 anos que ele se foi, um pouco depois do meu pai, e eu espero que os dois estejam tomando uns schnaps e falando mal da vizinhança lá em cima!

11 comentários:

  1. Que ele esteja com Deus.
    Hoje vou no pior enterro da minha vida, a filha de um primo morreu em um acidente de carro que morreu ela, a mae, o avô e avó. Idade: 6 anos.

    ResponderExcluir
  2. Nossa,q triste, realmente difícil de lidar com essas situações , temos de reunir muita força ...

    ResponderExcluir
  3. Coisas da vida q nunca vamos ententer né? Ele está bem e vc tb estará sempre ... q bom q vcs tiveram tempo de reencontrar e desfrutar um pouco mais desta amizade ...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim,fico feliz por esses últimos encontros com ele, foi uma sorte a gente ter se reencontrado tanto tempo depois!

      Excluir
  4. O primeiro é sempre inesquecível, ainda mais se depois se reencontraram e retomaram a amizade. Bonita lembrança, imagino como está triste pela data. Abração.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim,Gê, a gente sente a falta dos entes queridos,né?Ainda mais o dia de hj,especificamente,q é o niver da morte dele...

      Excluir
  5. Poxa que triste que ele se foi, mas pelo menos voces tiveram a oportunidade de se reencontrar e aproveitar um pouco mais a amizade de voces.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, e sempre terei essas ótimas lembranças dele!

      Excluir
  6. Acho que todos nos apaixonamos por nossos vizinhos em algum ponto!
    Mas que ele esteja em paz!

    DANCIN' OF DAYS
    http://dancinofdays.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Poxa, que triste. Foi muito cedo, mas com certeza o espírito dele estava evoluído o suficiente que não precisava mais estar aqui. Eu me conforto com isso.

    K!

    ResponderExcluir

Comenta aí, ficarei muito feliz em saber tua opinião...