quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

Voltando aos poucos

Nesse mês em que fiquei fora do ar e de olhinhos fechados, aproveitei pra ouvir muita música, e fui do rock até o erudito, andei bem eclética e me reaproximei de bandas que ouvia qdo. mais jovem: The Clash, Led Zeppelin, The Cure, Black Sabbath, um pouco de Lou Reed e David Bowie, só pra citar alguns. Mas tb Pavarotti, Jose Carreras, Placido Domingo, Caruso e Maria Callas, por que eu amo as óperas, é uma paixão que sempre dividi com meu pai, enquanto ele viveu.
Eu era louca pelo Robert Plant
Já meu pai era louco pela divina Callas


E assim vivíamos, entre estilos tão diferentes, mas todos se respeitavam, afinal, gosto é gosto e "os incomodados que se retirem", era o que o Herr Muller dizia ao primeiro sinal de desaprovação às suas escolhas do dia, devidamente reproduzidas num volume considerável, quase no limite, se me entendem, que ele era meio surdo, o que motivava algumas reclamações no prédio onde morávamos...
Quando a síndica ranzinza, que morava no apartamento ao lado, nos encontrava no elevador, já vinha uma bronca:
Ah, aí está a família que adora ouvir gritos, dizia ela, irônica, referindo-se às nossas amadas árias, até que um dia meu pai se encheu e resolveu responder, com sua voz calma e grave:
-Gritos deve dar o seu marido, ao acordar de manhã, com a senhora a seu lado...

Nunca mais vi ou ouvi a síndica reclamar.
#eétudoverdade
#barracosdefamilia
#confissõesdemadi




 

12 comentários:

  1. Rá ! Seu pai era dos bons ! Gosto de tudo isso ai que vc colocou, do rock à ópera !

    Beijo !

    ResponderExcluir
  2. Bem vinda de volta Madi. Um ano de sucesso e muito trabalho pra nós, bj

    ResponderExcluir
  3. Com certeza o Marcos foi na mosca. Ele era dos meus ... Afinal curtir coisa boa sempre é bom e isto não é coisa para todos e sim para poucos.

    Que bom tê-la de volta amiga ... saudades enormes ...

    -Gritos deve dar o seu marido, ao acordar de manhã, com a senhora a seu lado..." Simples assim ... kkkkkkkkk

    Beijão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudades tb, e contando os dias pra tua vinda este ano!!!!! Vou já acionar o Freduco, Luna e Jair pra iniciarmos os prepararivos gaudérios!

      Excluir
  4. hahahaha, imagino a cara da síndica. É como dizem: quem fala o que quer, ouve o que não quer.
    Sou eclética também, mas não me peça pra ouvir sertanejo, forró e funk :-(. Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo, esses tb estão fora da minha lista,hehe...

      Excluir
  5. Amei seu Pai com todo respeito a sua memória!
    Eu também divido com o meu pai o gosto pela ópera. Só é ruim mesmo qdo ele começa a ouvir Roberta Miranda cantando fados. Aí dói pois é muita sofrencia!

    Beijocas

    ResponderExcluir
  6. hahaha adorei a resposta do teu pai!
    Sabe que eu tambem tive disso com o meu pai, de dividirmos os mesmos gostos musicais por operas e música classica, além de outras coisas mais "antigas". Ele sempre fala que sou a unica dos 5 filhos que herdou o bom gosto dele hehehe. Claro que eu adoro um rock, e andei voltando a escutar minhas bandas favoritas dos tempos de adolescente pseudo rebelde, Led Zeppelin, Pink Floyd, Jethro Tull.
    Música é tão bom!

    ResponderExcluir
  7. Minha amiga Madi, que bom ler este post, nostálgico para mim, mas belo, cheio de amor à música, amor a família...deu uma saudade do meu pai, mas uma saudade boa, quando ele tocava gaita de boca, quando éramos bem pequenos, no inverno, perto do fogão a lenha...sempre bom estar perto de ti.
    ps. Carinho respeito e abraço.

    ResponderExcluir
  8. Oi amiga!!!!
    Temos algo em comum com os nossos pais, gostamos de PLácido Domingos, Maria Callas, Pavarotti - amooooooooo! e tantos outros!! Ah Caruso!!
    Beijos mil lindona!!
    Cris

    ResponderExcluir

Comenta aí, ficarei muito feliz em saber tua opinião...